Greve na Rodoviária com adesão de 90%

(Publicado em: 4 Janeiro, 2019)

O primeiro dos dois dias da greve que envolve os motoristas da Rodoviária do Tejo teve uma adesão na ordem dos 90%, avança a União de Sindicatos de Santarém, afeta à CGTP.

A empresa Rodoviária do Tejo admite que as perturbações nos serviços vão estender-se até às 03h00 da manhã de sábado, dia 5 de janeiro.

A paralisação convocada pelo STRUP – Sindicato dos Trabalhadores de Transportes Rodoviários e Urbanos de Portugal pretende reivindicar aumentos salariais e reduzir as desigualdades no setor.

Para a União de Sindicatos de Santarém, “às empresas compete pagar salários dignos e justos perante os lucros que os trabalhadores criam e às associações patronais compete garantir mínimos salariais no sector e não tabelar todo o sector, onde motoristas trabalham 15 horas por dia, pelo salário mínimo”.

Relacionadas: Rodoviária entra em greve esta quinta-feira