Mês da Enguia está de volta a Salvaterra de Magos

(Publicado em: 25 Março, 2019)

O Mês da Enguia está de regresso ao Concelho de Salvaterra de Magos.

A 23ª edição do certame dedicado à “rainha do Tejo” vai decorrer de 1 a 31 de março, com duas dezenas de restaurantes das várias freguesias salvaterrenses.

Os restaurantes vão apresentar, não só as formas tradicionais de confecionar este peixe do rio, mas também receitas mais inovadoras.

Enguias fritas, de ensopado ou de caldeirada, grelhadas, em espetada ou cataplana, de torricado ou à lagareiro são alguns dos pratos que vão marcar presença no Mês da Enguia.

Mas como não só de gastronomia se faz este certame, à iniciativa juntam-se a Feira Nacional de Artesanato e de Produtos Tradicionais, os passeios de barco no Rio Tejo, a cultura, o desporto e a animação.

A Feira Nacional de Artesanato e Produtos Tradicionais vai decorrer, em paralelo, às sextas, sábados e domingos, no Pavilhão do Inatel de Salvaterra de Magos, com a presença de cerca de uma centena de artesãos e produtores de todo o país e inúmeras atuações musicais.

O Presidente da Câmara Municipal de Salvaterra de Magos, Hélder Manuel Esménio, durante a apresentação da edição deste ano do Mês da Enguia, que decorreu ontem, dia 19 de fevereiro, sublinhou a importância do evento para a economia do Concelho, realçando que “este é o segundo ano em que conseguimos duas dezenas de restaurantes aderentes, números nunca antes alcançados e que demonstram bem a superação que vamos conseguindo de edição para edição”.

Para o autarca salvaterrense “mais do que uma iniciativa da Câmara Municipal, este é um projeto que mobiliza todas as forças vivas que estruturam e dão identidade ao Concelho, as suas gentes, tradições, usos e costumes”.

“Ao longo dos últimos anos, temos criado mais produto, fazendo com que quem nos visita permaneça mais tempo e possa voltar pela atratibilidade dos nossos pratos tradicionais, mas também do nosso Concelho, ajudando desta forma a economia local”, afirmou.

Este ano, o Chef Luís Machado continua a liderar a comissão técnica que dá apoio e aconselhamento aos restaurantes aderentes e considerou que “o Mês da Enguia está vivo e para continuar”.

Saiba mais AQUI