Quem animou a Festa do Vinho do Cartaxo

O Grupo de Cavaquinhos e Cantares da Universidade Sénior de Vila Chã de Ourique, abriu a Festa; da Associação Cultural e Recreativa do Rancho Folclórico do Cartaxo, esteve presente o seu grupo Cantigas da Terra, e foi esta a associação responsável pela organização do Festival de Folclore Infantil; de Pontével, vieram os Besoiros, grupo de jovens da Sociedade Filarmónica Incrível Pontevelense; quatro bandas filarmónicas do concelho, Ereira, Cartaxo, Pontével e Vale da Pinta, organizaram um Encontro de Bandas, que encerraram com músicos de todas as bandas presentes, a tocar em conjunto, a Festa encerrou com o Rancho Folclórico da Freguesia da Lapa e com as Danças de Salão da Sociedade Filarmónica Cartaxense.

Esta presença levou Pedro Magalhães Ribeiro a lembrar que “a Festa do Vinho deve às associações e às coletividades do concelho, muito do seu sucesso”, afirmando que “são as associações e as freguesias, as responsáveis pelas tasquinhas, trazendo à Festa, o que de melhor a nossa região tem para oferecer na área da gastronomia, com pratos típicos  diferenciadores de cada freguesia, para além de assumirem a responsabilidade de trazer à Festa o que de melhor produzem no seu trabalho de divulgação da identidade cultural do concelho”.

Os mais jovens tiveram um papel preponderante na animação noturna da zona das tasquinhas

A banda Alma Jah foi a primeira a subir ao palco da Festa, no dia 29 de abril, para mostrar o trabalho de quatro jovens músicos do Cartaxo, a seguir, foi o DJ Nuno Calado, DJ Antena 3 e Reverense Festival Valada, a levar a Festa pela noite dentro. A noite de sábado foi dedicada às bandas rock do Cartaxo, numa iniciativa da Revista Dada – foi o lançamento do CD Rock’N Cartaxo, que contou a participação de SeedsBand, Fellows Nervous, Amor Terror e The Town Bar.

Deixe um Comentario

*