Atualidade Sociedade Joaquim Palmela Fevereiro 6, 2022 (Comments off) (157)

Bordados de Glória do Ribatejo são agora Património Cultural Imaterial

A Direção Geral do Património Cultural (DGPC) inscreveu “Os Bordados da Glória do Ribatejo” no Inventário Nacional do Património Cultural Imaterial, segundo anúncio publicado em Diário da República. A Câmara Municipal de Salvaterra de Magos efetuou a candidatura, apoiada pela Universidade de Évora, União de Freguesias de Glória do Ribatejo e Granho, instituições e associações locais e toda a população.

“A simbologia e funcionalidade associadas à aplicação destes bordados confere-lhes características que os diferencia dos outros bordados, sem qualquer expressão comercial ou de ostentação de riqueza, já que estas peças deixam transparecer o rigor e o preceito de quem as “marca”/borda”. “Este saber-fazer, transmitido oralmente e em contexto prático pelas mulheres de Glória do Ribatejo, era e é aplicado na elaboração de várias peças de vestuário quotidiano, na roupa da casa, e em outros objetos de utilidades diversas”, explica o comunicado da câmara municipal de Salvaterra de Magos.

Para o presidente da câmara municipal de Salvaterra de Magos, Hélder Manuel Esménio, “é uma enorme satisfação para o município o sucesso que esta candidatura alcançou, em grande medida resultado do mérito da tipicidade dos bordados desta comunidade e do seu envolvimento neste projeto”.

“Obrigado a todos!”