Política Ana Mesquita Abril 9, 2022 (Comments off) (165)

Cartaxo vai ter trotinetas de uso partilhado

Cartaxo, Santarém e Almeirim vão poder ter à disposição dos munícipes trotinetas de uso partilhado, através de um projeto-piloto de mobilidade suave e micromobilidade da Comunidade Intermunicipal de Lezíria do Tejo (CIMLT).

O projeto resulta de um protocolo com uma empresa de trotinetas, explicou o presidente do município, João Heitor, na reunião de câmara de terça-feira, adiantando que “é um projeto-piloto sem custos para o município, a não ser a isenção das taxas, já com parecer positivo do FAM”.

“Acreditamos que este é um caminho para uma mobilidade mais verde, uma mobilidade mais citadina, e com as características do nosso município este tipo de transporte permite, inclusivamente, que as pessoas se desloquem até Santana, até Vila Chã, até Pontével, Vale da Pinta, porque estas trotinetas têm autonomia até 12 Km”, realçou o autarca.

João Heitor explicou que o projeto assenta num modelo de utilização sem doca, ou seja, “as pessoas podem pegar na trotineta e larga-la em qualquer sítio”, explicou o presidente, acrescentando que “há regras. O utilizador é responsável durante a utilização, obviamente, terá de cumprir todos os critérios legais para utilizar a trotineta; para a acionar tem de ter uma conta, tem de ter um cartão de crédito associado à conta na aplicação, que exige o consentimento de utilização”. Apesar de todas estas regras, “há sempre riscos de as pessoas largarem a trotineta no meio da rua ou de a colocarem num sítio qualquer menos próprio”, mas a responsabilidade civil “está totalmente na esfera do promotor”, disse.

O projeto contempla, nesta primeira fase, cerca de 450 trotinetas, a distribuir pelos três municípios. O Cartaxo deverá ser contemplado com 75, tantas quantas em Almeirim. Santarém deverá receber cerca de 300 trotinetas.

Este projeto-piloto tem a duração de um ano.