Atualidade Economia Política Ana Mesquita Dezembro 13, 2021 (Comments off) (411)

Dinâmica económica “é frágil”, considera João Heitor

Criar mais startups e novos parques industriais são os grandes desafios para o desenvolvimento económico do Cartaxo, considerou o presidente da câmara, João Heitor, que falava numa sessão online realizada no âmbito da Mostra Empresarial Digital de Rio Maior e Cartaxo, promovida pela Nersant.

O autarca considerou que a dinâmica económica do concelho “é frágil”, embora existam “empresários fortes e resilientes, que ultrapassaram as crises e têm conseguido prosperar com as suas empresas”.

Afirmando que a câmara pode ajudar a aumentar a dinâmica económica aumentando a agilidade dos processos de licenciamento e a capacidade de resposta às necessidades das empresas, João Heitor deu nota da existência de cerca de 1.200 processos pendentes no departamento de Urbanismo, o que se traduz em “muitas obras que não avançam, investimento que não se realiza, pessoas que não se fixam no concelho”.


João Heitor defendeu ainda a importância de criar uma Startup no concelho. “O Gabinete de Apoio ao Empreendedor e ao Empreendedorismo está apostado neste objetivo de lançar o desafio para a criação de novas empresas, apoiar as boas ideias de negócio e a formação de novos empreendedores”, revelou.