Atualidade Sociedade Ana Mesquita Junho 26, 2022 (Comments off) (381)

Forcados do Cartaxo festejaram dez anos com muita emoção

Foi uma noite de emoções a que se viveu este sábado na Praça de Toiros do Cartaxo. Os artistas estavam anunciados e prometiam dar tudo para não defraudar expectativas. Afinal, a praça estava muito bem composta – mais de dois terços da lotação – de aficionados sedentes de um bom espetáculo. E assim foi. Filipe Gonçalves, Parreirita Cigano e Luís Rouxinol Jr. não deixaram os seus créditos por mão alheias, arrancando muitos aplausos, música em todas as lides e provocando, igualmente, alguns sustos, que não passaram disso mesmo, tal a mestria dos cavaleiros.

Outro dos grandes ingredientes desta noite de toiros era o aniversário do Grupo de Forcados Amadores do Cartaxo, que se encerrou com os seis toiros (Vale do Sorraia) da noite. Também os moços de forcado não se fizeram rogados e mostraram que estão cá para durar. Das seis pegas, apenas uma (a primeira) não foi concretizada à primeira tentativa. Mas se a dificuldade inicial podia ter funcionado como um fator negativo, os forcados “agarraram”, literalmente, “os toiros pelos cornos”, arrancando vistosas pegas.

Esta noite de aniversário terminou com a Praça de Toiros de pé a aplaudir os intervenientes, sobretudo, o grupo aniversariante.

Já depois da corrida, desfardados e descontraídos, a Tejo Rádio Jornal teve oportunidade de falar com o cabo do grupo, Bernardo Campino.

O Grupo de Forcados Amadores do Cartaxo comemorou este sábado os seus dez anos de atividade.