Opinião – “A quem enfiamos o barrete?”

A quem enfiamos o barrete? Aos principais líderes políticos a nível nacional e concelhio. Porquê? António Costa costuma dizer que é um otimista por defeito. Desta vez o otimismo do primeiro ministro foi fatal para dezenas de milhares de pessoas. O Sistema Nacional de Saúde está em colapso.

A comunicação foi ligeira, suave e otimista, ao longo da pandemia, o que levou os portugueses ao facilitismo. O povo não foi diferente do primeiro-ministro e presidente da República, que no verão foram para a praia. Somos todos portugueses. Somos todos responsáveis pelo que está a acontecer, mas politicamente o primeiro ministro é o principal responsável.

A seguir a responsabilidade também é do Presidente da República que sempre foi excessivamente conivente e apoiante do primeiro-ministro e governo.

O mesmo aconteceu no concelho de Benavente, onde o presidente da câmara municipal elogiou demasiado a protecção civil municipal e passou uma imagem de um concelho diferente e melhor que os outros. E afinal, somos todos iguais no que toca à pandemia, porque o concelho de Benavente está neste momento ao nível dos piores. Em situações de extrema gravidade é ainda mais importante uma comunicação assertiva e realista, é o conselho que deixo aos principais lideres políticos nacionais e concelhio.

Opinião – Pedro Pereira, Licenciado em Gestão Autárquica, Vereador da Câmara Municipal de Benavente e Autor do livro “Frases que podem mudar a sua vida”.

Noticias relacionadas

Deixe um Comentario

*