Opinião/2022 Joaquim Palmela Janeiro 20, 2022 (Comments off) (388)

Opinião – Miguel Ribeiro – Eleições Legislativas 2022

Estamos cada vez mais perto das eleições, Portugal mais uma vez irá decidir os seus representantes na Assembleia da República. No Cartaxo temos uma Candidata a Deputada, a Professora Luísa Areosa, Deputada Municipal no Cartaxo pelo Partido CHEGA.
Algo que muito nos orgulha, e que ajuda a dinamizar e promover o nome da nossa terra um pouco por todo o Distrito e todo o país.

No passado sábado fomos visitar o Mercado Municipal do Cartaxo, com o Dr. Pedro Frazão, Medico Veterinário e Cabeça de Lista pelo Partido CHEGA no Distrito de Santarém às próximas Legislativas, onde fomos muito bem recebidos como se seria de esperar no Cartaxo, por todos os comerciantes e clientes.
O Cartaxo tem esta característica cultural, de bem receber todos à nossa terra. Desse modo seguimos pela nossa histórica praça de toiros, rua mítica Batalhoz, entre outras ruas do Cartaxo, sempre muito bem recebidos, gesto qual, muito agradecemos e nos orgulhamos da nossa terra.
Nos próximos dias serão divulgados vídeos, nas redes sociais, do evento e vários outros com a Profª Luísa Areosa onde vai mencionar vários aspetos importantes do nosso Concelho, que queremos ver defendidos na Assembleia da Republica.

Este é um momento importante para o CHEGA no Cartaxo, pois é uma oportunidade de conseguimos defender o nosso concelho, alem da assembleia municipal e assembleia de freguesia. O Cartaxo na situação económica em que se encontra, não pode sujeitar se a ficar estagnado nos próximos 30 ou 50 anos… Terá que haver, sem dúvida, algum “apoio” do próximo governo, mas para o Partido CHEGA, que se esforçará ao máximo para que o Cartaxo tenha o máximo de “ajudas” possíveis, é necessário que se faça averiguações sobre o que aconteceu nestes últimos 20 anos. O que no tempo curto de Governação do PSD, nos está a parecer é que não há um grande interesse para se avançar com uma auditoria, ao que foi feito pelos executivos socialistas nos últimos 20 anos, que nos levaram à 3ª cidade mais endividada do país, e quando olhamos à nossa volta no Cartaxo, nos questionamos onde foi gasto o dinheiro?
Quase 50% do Orçamento da Camara Municipal é para Salários… No entanto continuamos a ouvir, que falta pessoal? O mesmo acontece nas Juntas…

Em Santarém PSD e PS uniram-se, no Cartaxo, na questão das auditorias também parecem estar de acordo, que não devam ser realizadas…
Não se entende, estiveram mais de 45 anos fora da governação, ou melhor nunca lá estiveram, durante todos estes anos falaram sobre a má gestão da camara, houve casos em Tribunal, onde agora temos que pagar as custas judiciarias (indemnização) ao ex-presidente de camara. E quando tem a oportunidade de mandar investigar tudo, talvez a camara ser ressarcida em alguns processos, não o fazem, e para eles está tudo bem assim.
Para o CHEGA não. Vamos propor a Auditoria na Camara Municipal do Cartaxo, exigir que seja divulgado aos Cartaxeiros como foi gasto o dinheiro do Município, que nos criou uma divida de mais de 60 milhões de euros.
Dia 30 de janeiro Votem num Portugal mais justo, honesto, que respeite o dinheiro dos contribuintes.

Opinião – Miguel Ribeiro